Solistica ao dia

Entérate de los más recientes acontecimientos e innovaciones en nuestra industria.

Solistica ao dia

Fique por dentro dos acontecimentos mais recentes e inovações em nossa indústria

Solistica ao dia

Find out about the latest developments and innovations in our industry

Solistica ao dia

Conoce algunos de nuestros casos de éxito y las soluciones que hemos desarrollado para nuestros clientes

Solistica ao dia

Conheça alguns de nossos casos de sucesso e as soluções que desenvolvemos para nossos clientes

Solistica ao dia

Get to know some of our successful stories and the solutions we have developed for our clients

Entérate de los más recientes acontecimientos e innovaciones en nuestra industria
    09 out 2019

    Otimização de uma cadeia de suprimento complexa

    otimização da cadeia de suprimentos
    Compartilhar:

    O novo enfoque centrado no cliente obrigou as companhias a organizar seus processos e sistemas logísticos. Cada cliente exige um nível de serviço diferente em relação a tempos de entrega, canais de venda, requisitos de informação e status. Isto tornou as cadeias de suprimento mais complexas e difíceis de controlar, especialmente aquelas cujos processos são complicados de sincronizar, otimizar e digitalizar.

    Empresas desenvolvedoras de software continuamente buscam criar plataformas que organizem, padronizem e digitalizem cadeias de suprimento que utilizam soluções herdadas e trabalham de maneira independente, o que dá como resultado um maior custo total de propriedade e manutenções difíceis de realizar e pouca sincronia nas etapas de planejamento e execução. Ainda que ao se trabalhar em silos se possam planejar simultaneamente todas as áreas funcionais da cadeia de suprimento, a realidade é que não são obtidos fluxos otimizados, além disso se produz maior incerteza e menor eficiência.

    A solução para estes desafios consiste em otimizar a cadeia de suprimento através da integração de sistemas de planejamento de recursos (ERP), sistemas de administração de armazéns (WMS) e sistemas de administração de transporte (TMS), o que dará como resultado:

    • Agilidade: maior flexibilidade para se adaptar às necessidades tão dinâmicas dos clientes.
    • Velocidade: execução mais rápida de processos em escritórios e armazéns.
    • Eficiência: melhor aproveitamento dos recursos (dinheiro, matéria-prima, tecnologia, pessoal)

    A flexibilidade é fundamental para o sucesso de qualquer cadeia de suprimento. Uma plataforma na nuvem pode unir os diferentes sistemas e proporcionar supervisão e acessibilidade aos colaboradores a partir de qualquer dispositivo móvel.

    Ao transformar a cadeia de suprimento de maneira integral, os componentes de planejamento e execução devem estar totalmente integrados e digitalizados com o fim de alcançar uma verdadeira orquestração do ecossistema. O software como serviço (SaaS) proporciona controle real no planejamento e na execução, o que se traduz em uma melhor experiência para o cliente em termos de serviço e operação.

    Para administrar efetivamente uma cadeia de suprimento é necessário considerar as capacidades, as restrições e funções que não estão integradas nas soluções atuais, os processos manuais e as folhas de cálculo, assim como avaliar a possibilidade de incorporar funções em uma única solução que proporcione visibilidade de extremo a extremo e alerte diante de riscos e impactos.

    Um ecossistema corretamente organizado proporciona muitos benefícios em relação a capacidade e oportunidades de otimização em todos os processos da cadeia de suprimento, por exemplo:
    • Administração da demanda: planejamento mais colaborativo já que todos os envolvidos compartilham uma visão comum dos dados e se alinham a ela; execução de medidas corretivas para manter a visibilidade e o controle; correspondência entre a demanda e os nodos que facilitam a execução descendente; redução da flutuação dos inventários e pedidos já que a visibilidade de todas as áreas pode ser abordada de maneira proativa; e geração de alertas para o pessoal diante de algum aumento da demanda segundo a previsão.
    • Administração de fluxos: otimização de pedidos derivada de um planejamento de fluxos de trabalho que considera os requisitos do cliente, a capacidade, a disponibilidade do material, o tempo e o custo; avaliação de fluxos e impactos em cada nodo; melhor planejamento de recursos de acordo com custos e rendimentos; e ajuste nos fluxos para cumprir o serviço ao cliente, a demanda e as limitações da rede.
    • Administração de capacidade de espaço: estimativa dos impactos da demanda prevista e dos fluxos com a capacidade disponível; e consideração de outras alternativas no caso de que se superem as restrições operativas ou existam opções mais eficientes.
    • Planejamento de cargas: uso da capacidade de carga de acordo com a demanda prevista; geração de alertas quando a capacidade é menor ou maior que os parâmetros; melhor escolha de equipamentos para cada carga e espaço requerido; e mudanças nos fluxos para maximizar a capacidade de carga.
    • Programação de transporte: programação de rotas de acordo com as necessidades de carga previstas; redução de transportes desnecessários e movimentos adicionais de reboques entre os lugares; e garantia de que os programas não ultrapassem os requisitos da rede.
    • Execução diária: visibilidade das variações entre a demanda real e a prevista para ajustar a mão de obra, as cargas e os movimentos da mercadoria; e medição do impacto da demanda segundo os recursos disponíveis e as restrições para alcançar a produtividade em casos de contingência.

    Mudar os silos por uma visão integral é complexo sobretudo para as companhias nas que seus processos e sistemas herdados funcionaram bem no passado; no entanto, atualmente podem resultar inadequados, custosos e inflexíveis. A digitalização da cadeia de suprimento requer avaliar as funções de planejamento e execução em tempo real e combiná-las em um só aplicativo para ser mais eficientes e interconectadas, tomar melhores decisões e responder melhor às demandas comerciais. Uma vez sincronizada e digitalizada, a cadeia de suprimento tem a possibilidade de otimizar e maximizar os recursos e capacidades, assim como de reduzir drasticamente os custos e riscos.

    Empresas especializadas em logística, como a Solistica, contam com plataformas de última geração que integram todos os processos de extremo a extremo e oferecem visibilidade e eficiência em toda a cadeia de suprimento, sejam simples ou complexas.

    SOL- Blog no. 7 Blog Optimización en una cadena de suministro compleja VFPORTUGUÊS

     

    Sobre el autor pt-br
    Solistica
    Solistica

    El contenido de esta publicación es brindado por el autor y no representa la posición de la empresa respecto al tema

    Buscador

      Motor de busca

        Search

          Artículos Recientes

          Artigos Recentes

          Recent Articles

          Historias Recientes

          Histórias Recentes

          Recent Stories

          feature image
          Integração de armazéns

          Suscríbete al Blog

          Inscreva-se no nosso blog

          Subscribe to the Blog

          New call-to-action
          Panorama da indústria logística

          Assine aqui!